Leia mais notícias...

Destaque

Os perigos da compulsão durante a pandemia

25/06 | Editado por: Ana Cristina Sampaio Alves
Este post já recebeu 120 views
Baixe este post em PDF

Todos temos compulsividades no dia a dia. São atitudes consideradas normais porque não perdemos o controle do nosso comportamento.

Mas quando uma pressão interna faz com que a pessoa seja tomada de um desejo muito forte por uma ação que, inicialmente,  gera prazer, mas que depois é seguida de um sentimento de culpa após a repetição constante, estamos diante da compulsão.

Para falar sobre os comportamentos compulsivos que vêm crescendo durante a pandemia, como compulsões por álcool, cigarros, drogas ilícitas, comida, sexo e até mesmo fofoca, compras e  jogos on-line,  o Papo Espírita entrevistou o psicólogo clínico e trabalhador espírita em Goiânia (GO) Ênio Francisco.

Segundo o psicólogo, a migração de sintomas tem sido observada durante a quarentena, especialmente em relação ao álcool, que antes era consumido esporadicamente na rua e agora está dentro de casa, envolvendo até os familiares.

Quando você sabe que está dominado pela compulsão? Acompanhe o programa e saiba não só como identificar esse comportamento, mas, principalmente, o que fazer:

 

Leia mais notícias...

Você deve logar para postar um comentário.