Notícias sobre: ‘Notícias’

A Gênese completa 150 anos em 2018

segunda-feira, abril 2nd, 2018 151 views

Baixe este post em PDF

No dia 6 de janeiro de 1868, o codificador da doutrina espírita, Allan Kardec, lançou o quinto livro do pentateuco “A Gênese – Os milagres e as predições segundo o Espiritismo”.

O objetivo da obra foi levantar questões sobre a criação da humanidade, tanto corpórea quanto espiritual. Nela, Kardec quis mostrar que o espiritismo lançou luz sobre essa temática.

“[Esta obra é] um complemento do espiritismo e, embora o material já estivesse pronto há tempos, era necessário que as bases da doutrina estivessem consolidadas para que o topo se concretizasse”, diz trecho da Revista Internacional de Espiritismo de janeiro.

As bases da doutrina seriam os ensinamentos do “O Livro dos Espíritos” que estavam completando dez anos de publicação no ano de 1867. Para saber se este era o momento ideal para a divulgação da obra, Kardec questionou seu mentor espiritual Dr. Demeure.

Por sua vez, Demeure disse: “Não prevejo dificuldades intransponíveis. A tua saúde seria a principal; por isso é que te aconselhamos incessantemente que não te descuides dela. Quanto a obstáculos exteriores, nenhuma pressinto de natureza séria”.

Então, seguindo as orientações de seu mentor, Kardec publicou o livro com dezoito capítulos, divididos em três partes. O autor achou necessário inserir notas explicativas e complementares sobre a obra na Revista Espírita e, portanto, escreveu-as na edição de setembro de 1867.

Segundo o palestrante espírita, jornalista e apresentador da TV Mundo Maior, Claudio Palermo, “A Gênese” significa “uma revelação divina, de iniciativa da espiritualidade maior e que precisa do trabalho do homem para ser divulgada em todas as partes da terra. Nosso trabalho na seara espírita é importantíssimo, cada trabalhador, cada dirigente, cada pessoa que entra em contato com o espiritismo, é uma célula de apoio à revelação dos espíritos”.

Nem todas as observações da “Gênese” foram inseridas na obra e, desta forma, elas apareceram em edições posteriores da Revista. Após a publicação da sua última obra, nos últimos anos de sua vida, Kardec seguiu divulgando o espiritismo. Seu mentor estava certo quanto a sua saúde, pois em dia 31 de março de 1869, aos 64 anos de idade, ele desencarnou decorrente de um aneurisma.

Fontes: Revista Internacional do Espiritismo, janeiro de 2018 e TV Mundo Maior .

Para saber mais sobre o assunto, assista:



Adilson Mariz e Maria Luisa reeleitos para presidência e vice da Comunhão

quarta-feira, março 21st, 2018 174 views

Baixe este post em PDF

O Conselho Diretor da Comunhão eleito no último sábado (17) reconduziu para um novo mandato de quatro anos o atual presidente, Adilson Mariz de Moraes, e a vice Maria Luísa Melo.

A decisão foi tomada na primeira reunião oficial do Conselho Diretor, realizada ontem, segunda-feira (19), na Comunhão.

“Nossa gestão foi de portas abertas”, avaliou Adilson Mariz de Moraes, pouco tempo depois da decisão.

Para o presidente reeleito, a Comunhão está muito harmonizada. “Ao longo desses anos, procuramos propiciar que as pessoas se sentissem acolhidas, buscar fazer da Casa um ambiente para rever amigos e nos sentirmos valorizados”, analisou Adilson Mariz.

A vice-presidente, Maria Luísa, acrescentou que a reunião do Conselho Diretor que decidiu pela recondução foi tranquila. “Isso é importante, porque demonstra a confiança de cada membro que compõe o colegiado, com isso a nossa responsabilidade aumenta”, antecipou.

 



Em Caminhando com Jesus, Jack Darsa fala sobre a parábola do retorno do espírito impuro

quarta-feira, fevereiro 28th, 2018 131 views

Baixe este post em PDF



Assista ao Comunhão News e fique por dentro dos eventos da Casa

segunda-feira, janeiro 15th, 2018 89 views

Baixe este post em PDF



Conheça as atividades para voluntários oferecidas pela Comunhão

domingo, janeiro 7th, 2018 2.785 views

Baixe este post em PDF

A Diretoria de Promoção Social (DPS) da Comunhão Espírita de Brasília oferece dezenas de atividades para voluntários que queiram atuar nos projetos sociais da casa.

São ações voltadas para adultos, crianças, adolescentes e idosos.  A DPS leva aos lares e a diversas instituições:

• A palavra amiga encorajadora e esclarecedora;
• A implantação do Evangelho nos lares;
• O convite à mudança de hábitos;
• A educação e a orientação profissional;
• Cursos práticos em diversas áreas;
• A melhoria das condições das moradias;
• Atenção aos enfermos, idosos, crianças, dependentes químicos e seres humanos privados de liberdades nos presídios;
• Oficinas de artesanato e costura;
• Enxovais para recém-nascidos;
• Distribuição de sopa fraterna que sacia a fome e leva conforto aos corações;
• E muitas outras atividades, todas desenvolvidas com amor.

Há muitas outras atividades, desenvolvidas com amor fraterno, cristão. Está interessado em contribuir? Então procure a DPS.

Contato DPS
Horário de Funcionamento: 18h30 às 20h30
Telefone:(61) 3048-1806
Emails: comunhao.dps.secretaria@comunhaoespirita.org.br e dps@comunhaoespirita.org.br.

Mais informações sobre as atividades no link abaixo.

http://www.comunhaoespirita.org.br/portal2/index.php/conheca-a-casa/29



Após Nosso Lar, importante livro de Chico Xavier vai virar filme

segunda-feira, dezembro 25th, 2017 491 views

Baixe este post em PDF

O livro Sexo e Destino, psicografado por Chico Xavier e Waldo Vieira, ditado pelo espírito André Luiz, vai ganhar a telona após o sucesso de Nosso Lar. A Federação Espírita Brasileira (FEB) assinou contrato no início deste mês com a Estação Luz.

A produtora, representada por Sidney Girão, Eduardo Girão e Fernando Lobo, esteve na sede da FEB para a assinatura do contrato com o presidente da FEB, Jorge Godinho. O próximo passo é roteirização da obra.

A obra

No Rio de Janeiro de meados do século XX, a trajetória de duas famílias – Torres e Nogueira – se entrelaça em tramas repletas de amor, paixão, vaidade, luxúria e ódio, preenchendo existências de tragédia e favorecendo a concretização de obsessões doentias no espírito de jovens e adultos membros das famílias.

Auxiliado pela psicografia de Francisco Cândido Xavier e Waldo Vieira, o espírito André Luiz apresenta o mais denso romance da coleção A vida no mundo espiritual, intercalando reflexões sobre amor e consciência, liberdade e compromisso, culpa e resgate, lar e reencarnação, com respostas sobre o relacionamento sexual humano e a consequência das condutas e experiências sexuais do presente em vidas futuras, sujeitas às leis de causa e efeito que podem delinear todo o destino do ser. (Sinopse da FEB).