Mensageiro » Geral

Notícias sobre: ‘Geral’

AME promove evento Família: Educando e Construindo o Ser Integral

terça-feira, agosto 14th, 2018 7 views

Baixe este post em PDF



Fique por dentro dos eventos da semana na Comunhão

segunda-feira, agosto 6th, 2018 66 views

Baixe este post em PDF



Conheça o trabalho da arte mediúnica no programa Papo Espírita

quinta-feira, julho 26th, 2018 126 views

Baixe este post em PDF

A arte mediúnica é um trabalho desenvolvido em grupos mediúnicos cujos médiuns atendem a desencarnados artistas. O objetivo é que, ao expressar sua arte, o espírito possa receber o auxílio necessário no mundo espiritual.

A Mostra de Arte e Cultura (MACES) da Comunhão, que será realizada nos dias 24, 25 e 26 de agosto, vai contar com o trabalho de arte mediúnica, cujos quadros poderão ser adquiridos pelos frequentadores.

A Comunhão Espírita de Brasília desenvolve essa atividade em três grupos. Para falar sobre o tema, o programa Papo Espírita convidou o dirigente João Vitola.

 



“A vida sempre ensina!” é o tema do Comunhão Inspira de sábado (28)

quinta-feira, julho 26th, 2018 151 views

Baixe este post em PDF

No próximo sábado, dia 28 de julho, a Comunhão Espírita realiza mais uma edição do Comunhão Inspira.

O tema, “A vida sempre ensina!”, vai falar sobre o bem e o mal, mediunidade, diferenças vibratórias, milagres, nossa caminhada evolutiva e outros tantos temas relacionados aos desafios de vida.

O evento será transmitido ao vivo pela Rádio e TV Comunhão, e pelo canal da Comunhão no YouTube.



Estante Espírita destaca “Eu escolho ser feliz”

quinta-feira, julho 26th, 2018 137 views

Baixe este post em PDF

Nesta edição do Jornal Mural vamos sugerir a leitura da obra “Eu escolho ser feliz”, do psicólogo RossandroKlinjey, mestre em saúde coletiva e doutorando em ciências da educação.

Klinjeyse destaca nas diversas mídias sociais pelo carisma e profissionalismo, por utilizar sua sensibilidade para elucidar, à luz da Doutrina Espírita, diversas questões relacionadas às fragilidades da personalidade humana, trazendo como proposta de resolução a reflexão pessoal e atenciosa.

Na obra, opsicólogo propõe ao leitor observar se utiliza suas limitações como meio de partida para enfrentar desafios ou se busca o autoconhecimento para se fortalecer e superar os impedimentos que distanciam das oportunidades de desenvolver potencialidades desconhecidas. Com sua perspicácia inata, aborda situações cotidianas, com o intuito de aprendermos a não utilizar nossas fragilidades como alavanca para alcançar o sucesso mas, sim, vontade sincera e postura ativa diante do que se quer modificar.

Sob a ótica do autor, o livro é indicado a todos que desejam refletir sobre as virtudes da alma, a importância do amor próprio e auto aceitação, dos valores da tolerância e perdão no sagrado casamento, da inteligência emocional, do inevitável envelhecimento com verdadeira paz, de como valorizar simples momentos, sobre os mecanismos de independência da felicidade, se é possível ou não ser feliz ao viver sozinho, trazendo para reflexão do leitor o que realmente faz a diferença em suas vidas.

EU ESCOLHO SER FELIZ, de Rossandro Klinjey, 101 páginas, 1ª Edição, Editora Aliança, São Paulo – SP, 2018, na Livraria Mário Carvalho da Comunhão Espírita de Brasília – R$ 24,00.



 Obreiros materializam o amor

terça-feira, julho 24th, 2018 268 views

Baixe este post em PDF

A cada aniversário, o Programa Obreiros do Bem tem sensibilizado médiuns da Comunhão Espírita para a observância do mandamento “Amai ao próximo como a si mesmo”. O Programa objetiva estimular 2,5 mil trabalhadores a buscarem diversas frentes de atividades voluntárias para realizarem a vivência cristã.

Com a coordenação da Diretoria de Assistência Espiritual (DAE) e apoio da Diretoria de Promoção Social (DPS), a proposta das tarefas possibilita aos trabalhadores dos 180 grupos mediúnicos a escolherem ou conhecerem as inúmeras instituições necessitadas do amparo material e moral.

Para ampliar as opções de escolha, a DAE propõe diversas frentes de trabalho e atualmente o voluntário pode assistir a idosos e dependentes químicos ou, também,evangelizar crianças e adolescentes, presidiários, gestantes, crianças com necessidades especiais e famílias carentes.

“É necessário expandir o amor além das fronteiras da Comunhão. Toda experiência vivida no campo da promoção social e amparo espiritual promove grande bem ao obreiro que coopera com o Cristo para suavizar o sofrimento alheio. Pelo recurso da mediunidade, amparamos o irmão desencarnado; mas é na oportunidade de construção de empatia e cumplicidade com o irmão em difíceis provações que o aprendizado ocorre. Durante a tarefa edificante é que vamos aprender a nos colocar no lugar do outro” revela Simone Santana, coordenadora do projeto.

Para aderir ao Programa Obreiros do Bem, basta que o médium comparecerà secretaria da DAE e informar o nome do grupo a que pertence, para escolher uma atividade social.

Sempre é tempo de aprimorar os valores morais.

Por Cristiane Lopes.