Notícias sobre: ‘Palestras’

Cursos de autoconhecimento promovidos pela AME-DF continuam ensinando práticas de ensinamento para evolução espiritual

sexta-feira, setembro 22nd, 2017 458 views

Baixe este post em PDF

O poder foi o tema apresentado no Ciclo de Palestras da Associação Médico Espírita do Distrito Federal (AME-DF) realizado nesta quarta-feira (20/9), na Comunhão Espírita de Brasília (CEB). A palestrante e professora Kátia Carrijo trouxe dicas e conceitos de filósofos sobre a questão do poder. Segundo argumentos apresentados, o poder é a capacidade de agir e de produzir efeitos, podendo variar de indivíduos, grupos sociais e animais.

Entre os filósofos, está Gerard Lebrum, que destaca três conceitos: potência, força e poder. A potência está entrelaçada aos recursos que provocam um efeito. Enquanto que a força tem a capacidade de modificar comportamentos em outras pessoas. O poder está em um patamar acima, uma força maior, em que as pessoas aceitem ou se submetam a determinada situação. “ Não confundir com a condição de se impor a alguém, de impor a própria vontade contra qualquer resistência e sim, dispor de uma autoridade”, explica Kátia.

Outro filósofo abordado foi Max Weber, que define a diferença de potência e poder. O primeiro vem na condição da oportunidade de impor sua vontade no interior. O poder, na visão do autor, existe quando uma potência se explica de uma maneira muito objetiva.

A palestrante discorreu sobre os diferentes tipos de poder, como a coerção (exploração do medo); a recompensa (exploração de interesses), em que a pessoa só faz alguma coisa se tiver um prêmio ou ganho; e o poder de competência, em que baseia-se no respeito por um profissional, como exemplo, a confiança nos remédios de um médico. Além desses, foram apresentados outras formas de poder, como de legitimidade (hierarquia), informação (poder no conhecimento, na informação e argumentação), persuasão (capacidade de sedução), poder de ligação e o poder de carisma (exploração na admiração).

Por fim, Kátia destacou o poder positivo como o principal deles. “ Esse é a vida na plenitude. O poder não é negativo, mas sim a manifestação dele”, disse. Segundo o autor James Hillman, do livro “Tipos de Poder”, é possível exercer o poder de maneira empresarialmente eficaz, psicologicamente curativo e pessoalmente gratificante”.

As aulas “Estudando as Emoções” são lecionadas por Kátia, semanalmente, e nos fazem pensar sobre os diferentes sentimentos e situações do ser humano. O intuito dos encontros é abordar conceitos da Doutrina Espírita com foco no universo psíquico, utilizando temas como “O Mundo Interior”, “Estudando as Emoções”, “O Caminho Terapêutico com Jesus” e o “Integrando saberes para entender a saúde”.

“Nessas aulas estamos tentando trazer a consciência, ensinar para quem quer aprender a expandir a consciência. Estamos vivendo um mundo de transição planetária e o único jeito de manter o equilíbrio é sintonizando com a nossa existência para chamar a atenção da consciência”, destacou.

Por Bruno Saviotti



Adeilson Salles: Game Over, a rede do evangelho está no ar

segunda-feira, setembro 18th, 2017 126 views

Baixe este post em PDF

A Comunhão Espirita de Brasília recebeu o escritor e palestrante espírita Adeilson Salles, que falou sobre vícios cibernéticos e obsessão e também lançou o livro Game Over, de sua autoria pelo espírito Luiz Sérgio.

Salles iniciou a palestra chamando atenção dos pais, que não põem limites no uso cibernético de seus filhos. “É necessário uma educação clara, que forme caracteres e não cercas elétricas. Hoje em dia, se constroem bombas pela internet”, frisou.

Segundo ele, não adiantam cercas elétricas e grades de proteção nos lares, se os filhos estão isolados em um ambiente virtual por horas a fio. Os resultados desses vícios cibernéticos são desastrosos e, entre eles, está a depressão, que acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), será a doença mais incapacitante em todo o mundo até o ano de 2020.

O palestrante destacou a importância da conexão com a espiritualidade e explicou que o Cristo foi o primeiro a nos falar sobre conexões: “E eu te darei as chaves do reino dos céus; e tudo o que ligares na terra será ligado nos céus, e tudo o que desligares na terra será desligado nos céus” (Mateus 16:19)

Game Over

Na obra psicografada pelo Adeilson, o espírito Luiz Sérgio fala dos bastidores espirituais dos jogos violentos, das consequências negativas do excesso de liberdade que crianças e jovens encontram ao acessarem o mundo virtual e muitas outras situações de risco a que ficam expostos diariamente. A vida, às vezes, assemelha-se a um game. Algumas situações exigem muito esforço e dedicação para serem superadas, como as fases e níveis de um jogo.

Adeilson é autor de diversos livros publicados para crianças, jovens e adultos. Além disso, atua na Federação Espírita do Rio Grande do Sul (FERGS) e na Federação Espírita do Paraná (FeParaná). O reconhecimento do seu trabalho é observado na participação constante nas bienais mais importantes do Brasil, assim como nas principais feiras do livro nacionais. Algumas de suas obras já foram traduzidas para o inglês e o espanhol.

A obra Game Over está à venda na livraria Mario Carvalho (Comunhão Espírita de Brasília).

Por Waleska Maux



Antropofasia: método de conhecimento da natureza do ser humano e do universo

sexta-feira, setembro 15th, 2017 296 views

Baixe este post em PDF

A Antropofasia é uma ciência espiritual fundada pelo filosofo, educador, artista e esoterista, Rudolf Steiner. O filosofo destaca por meio do conceito da Antropofasia três características para a compreensão do ser e do mundo e métodos para evolução: calma interior, a capacidade de admirar tudo e a não adoção de preconceitos. A necessidade de ampliar conhecimento levou Rudolf a estudar e conhecer diferentes áreas, como o ocultismo, agricultura, arquitetura, arte, matemática, ciência, religião, drama, literatura, entre outras.

O termo foi apresentado pela médica Denise de Brito Franco que atua junto à Associação Médico Espírita do Distrito Federal (AME-DF) e foi a palestrante por meio do ciclo de debates da AME realizado todas as semanas na Comunhão Espírita (CEB). O intuito dos encontros é abordar conceitos da doutrina espírita com foco no universo psíquico com temas como “O Mundo Interior”, “Estudando as Emoções”, “O Caminho Terapêutico com Jesus” e o “Integrando Saberes para Entender a Saúde”, assunto destacado nesta quarta-feira (13/09).

“Só observamos o que acontece ao nosso redor ou com a gente mesmo quando começamos a admirar a beleza e a não beleza. Às vezes um ser pode ser uma pessoa ruim, mas se conseguir achar o cerne desse ser encontramos coisas positivas. Sem preconceito conseguimos admirar mais as pessoas”, destaca.
A Antropofasia possui algumas atividades práticas, como Pedagogia Waldorf, agricultura biodinâmica, arquitetura e terapêutica social. Dessa forma, ela traz terapias complementares, como a artística, eurritmia, massagem rítmica, terapias externas, musicoterapia e aconselhamento biográfico.

Denise relembrou o conceito de Rudolf de conjuntos básicos da estrutura humana que são objeto de intervenção médica, como a trimembração e quadrimembração. A primeira está relacionada aos sistemas neurosensoriais (pensar), rítmicos (sentir) e metabólicos (querer). Enquanto que a quadrimembração envolve o corpo físico, a organização vital, anímica e a organização do eu.

Segundo Denise, o ideal é trabalhar as três áreas em conjunto. “O que tem excesso de atividade intelectual deve desenvolver também o metabólico. O mal de hoje é que pensamos uma coisa, sentimos outra e agimos diferente. O sistema rítmico bem estruturado é o maior médico, a maior medicina para a vida”, apontou.

Serviço
O Ciclo de Debates acontece nas quartas-feiras, às 20h, na Sala 203, da Comunhão Espírita. Veja a programação de 2017:

– 1ªas quartas-feiras/mês – O Mundo Interior – Facilitadora: Kátia Carrijo
– 2ªas quartas-feiras/mês – Integrando saberes para entender a saúde- Facilitadores: membros e convidados da AME-DF
– 3ªas quartas-feiras/mês – Estudando as Emoções – Facilitadora: Kátia Carrijo
– 4ªas quartas-feiras/mês – O Caminho terapêutico com Jesus – Facilitadora: Fabíola Lima

Atendendo a pedidos, a AME-DF também irá repetir os módulos do ano passado, nas sextas-feiras, Sala 108, às 18h.

– 1ªas sextas-feiras/mês – Módulo I – O Mundo Interior – Facilitadora: Kátia Carrijo
– 3ªs sextas-feiras/mês – Módulo I – Estudando as Emoções – Facilitadora: Kátia Carrijo

Para maiores informações, entre em contato com AME-DF pelo e-mail: ame.distritofederal@gmail.com

Por Bruno Saviotti



Palestra da Mayse Braga encerra 4ª Mostra de Arte e Cultura da Comunhão

segunda-feira, agosto 28th, 2017 372 views

Baixe este post em PDF

“A chama que habita em mim e me faz viver”  foi o tema da palestra ministrada pela conferencista espírita Mayse Braga na tarde deste domingo, 27, no encerramento da  4 ª Mostra de Arte e Cultura da Comunhão Espírita de Brasília.

Ao falar para plateia lotada, Mayse Braga deu alguns exemplos de renomados artistas do mundo do teatro, da música, da literatura e da arte que carregavam no peito a chama da vida. Alguns, segundo ela, souberam administrá-la e a levaram dentro de si até o fim da vida terrena. Outros, contudo, deixaram-se sucumbir até que a chama se apagasse.

“Havia nos artistas de todas as gerações a busca do belo e do infinito, e é claro que mesmo aqueles que não acreditavam em Deus, no fundo sabiam que essa chama dentro de si era luz” afirmou.

Para Mayse Braga, existe a chama de ideal capaz de mudar o mundo. “A pessoa, quando começa a vida cheia de esperanças, não pode deixar que a chama se misture com o que é menos nobre e digno,  porque ela se empobrece”, avaliou.

Segundo a palestrante, quando o espírito volta à Terra, procura acender ao máximo a chama que habita dentro dele. “Ela é aquilo que não nos deixa desistir quando tudo nos convida à desistência. É a chama que mantem uma fé, ainda que mínima, quando tudo nos diz que não vai dar certo”, disse Mayse durante a conferência.

Ela esclareceu que mesmo aqueles que pensam em vinganças e preconceitos de qualquer espécie também possuem a chama, ainda que aniquilem com um simples olhar o seu próximo. Contudo, essa pessoa ainda vai se tornar forte, doce e positiva  “Todos nós, encarnados e desencarnados, sem dúvida  já usamos essa chama em vidas que foram voltados para aquilo que não era bom. O excesso e a maldade de ontem com certeza são hoje a nossa solidão e a nossa carência que, muita vezes, enfrentamos”, explicou aos presentes.

“Quando a chama diminui, precisamos ter cuidado. Quando nosso entusiasmo pela vida diminui surge um sinal vermelho para a nossa alma, não importa a idade que tenhamos”, concluiu.

Logo após a palestra, todos os presentes, unidos na vibração de amor e fé, foram convidados a participar da prece aos suicidas.

Clique aqui e assista a palestra na íntegra.

Por Isabel Carvalho



Mayse Braga faz palestra de encerramento da Mostra de Arte e Cultura

domingo, agosto 27th, 2017 720 views

Baixe este post em PDF

A palestrante espírita Mayse Braga encerra a edição 2017 da MACES, a Mostra de Arte e Cultura Espírita da Comunhão, que acontece no próximo final de semana, 26 e 27 de agosto.

Não perca! A MACES vai reunir arte, música, gastronomia e palestrantes renomados do movimento espírita brasileiro.



Palestras da AME-DF destacam a importância de trabalhar o mundo interior para alcançar o equilíbrio existencial

sexta-feira, agosto 25th, 2017 95 views

Baixe este post em PDF

Aprendendo a amar e a desenvolver o equilíbrio existencial estão entre as grandes revelações do autoconhecimento. Esse equilíbrio faz referência ao que Jesus Cristo ensinou sobre esquecermos o ódio, a tristeza, e os pensamentos negativos, por exemplo, para alcançarmos uma evolução plena de paz espiritual.

Esse foi um dos ensinamentos da professora e palestrante Kátia Carrijo. Segundo ela e baseado nas doutrinas da guia espiritual Joanna de Ângelis, Jesus foi o psicólogo que compreendeu os problemas do ser humano, sendo possuidor de uma transcendente capacidade de penetração nos arquivos do inconsciente. É considerado o marco mais importante da psicologia pessoa. Dessa forma, as atitudes e conhecimentos de Jesus são referências para o homem para se basear na sua evolução e alcançar um equilíbrio espiritual.

Esses ensinamentos foram apresentados para cerca de 60 pessoas por meio do Ciclo de Palestras realizado na Comunhão Espírita de Brasília (CEB), pela Associação Médico Espírita do Distrito Federal (AME-DF). As aulas são lecionadas por Kátia, semanalmente, e abordam os diferentes sentimentos e situações do ser humano. O intuito dos encontros é debater conceitos da doutrina espírita com foco no universo psíquico com temas como “O Mundo Interior”, “Estudando as Emoções”, “O Caminho Terapêutico com Jesus” e o “Integrando saberes para entender a saúde”.

“Nessas aulas estamos tentando trazer a consciência, ensinar para quem quer aprender a expandir a consciência. Estamos vivendo um mundo de transição planetária e o único jeito de manter o equilíbrio é sintonizando com a nossa existência para chamar a atenção da consciência”, destacou.

Serviço
O Ciclo de Debates acontece nas quartas-feiras, às 20h, na Sala 203, da Comunhão Espírita. Veja a programação de 2017:

– 1ªas quartas-feiras/mês – O Mundo Interior – Facilitadora: Kátia Carrijo
– 2ªas quartas-feiras/mês – Integrando saberes para entender a saúde- Facilitadores: membros e convidados da AME-DF
– 3ªas quartas-feiras/mês – Estudando as Emoções – Facilitadora : Kátia Carrijo
– 4ªas quartas-feiras/mês – O Caminho terapêutico com Jesus – Facilitadora: Fabíola Lima

Atendendo a pedidos, a AME-DF também irá repetir os módulos do ano passado, nas sextas-feiras, Sala 108, às 18h.

– 1ªas sextas-feiras/mês – Módulo I – O Mundo Interior – Facilitadora: Kátia Carrijo
– 3ªs sextas-feiras/mês – Módulo I – Estudando as Emoções – Facilitadora: Kátia Carrijo

Outros projetos estão sendo programados em parceria com a Comunhão Espírita e serão divulgados.
Para maiores informações e contato com AME-DF : www.amedf.com.br (em período de atualização).
E-mail: ame.distritofederal@gmail.com

Por Bruno Saviotti